Publicidade
Publicado em 02/08/2022 09h20

Brasil vende muito milho para o exterior

Segundo "maior julho da história”, atrás apenas de 2019.
Por: Leonardo Gottems

Os embarques de milho totalizaram 4,12 milhões de toneladas em Julho, apontou relatório dos dados da balança comercial divulgado nesta segunda-feira, 1º de Agosto, pela Secretaria de Comércio Exterior (SECEX). Segundo a entidade, foram 1,25 milhão de toneladas apenas na última semana, um impressionante ganho de 32% em relação a semana anterior.

A equipe de analistas de mercado da Consultoria AgResource Brasil destaca que o desempenho das exportações de milho no mês que passou o elevaram como o “segundo maior julho da história”, atrás apenas de 2019, quando 5,93 milhões de toneladas foram vendidas ao exterior. Para 2022, as exportações do cereal somam 10,47 milhões de toneladas, 86% superior ao volume exportado entre janeiro e julho de 2021.

E A SOJA?

Para a oleaginosa, os embarques semanais tiveram um ligeiro ganho de 2% em relação ao volume embarcado na semana anterior, aponta a filial da empresa norte-americana AgResource Company. Com isso, as exportações semanais ficaram 1,26 milhão de toneladas, enquanto o acumulado de julho ficou em 7,52 milhões de toneladas, 13% inferior a julho do ano passado. Em 2022 as exportações totalizam 60,59 milhões de tonelada, recuo de 8% em relação ao mesmo período do ano passado.

CARNE BOVINA VITAMINADA

Ainda de acordo com a Consultoria AgResource Brasil, o ritmo de embarques mensal da carne bovina segue elevado, com o segundo maior volume embarcado da história para o mês de julho. De acordo com os dados da SECEX, as exportações de carne bovina atingiram 167,3 mil toneladas, ligeiramente acima do ano passado (1%). Em 2022 o volume dos embarque segue no melhor ritmo acumulado da história, com 1,1 milhão de toneladas já enviadas, 22% acima do ano passado.