Publicado em 09/10/2014 12h43 - Atualizado em 09/10/2014 12h43

EUA reconhecem tecnologia brasileira de resistência à ferrugem asiática

Os Estados Unidos reconheceram oficialmente a patente de seleção do gene Rpp5, que confere resistência à ferrugem asiática na soja. A tecnologia foi lançada pela empresa brasileira Tropical Melhoramento & Genética (TMG) e é utilizada nas cultivares de sua marca Inox.

`

ferrugem

A informação foi confirmada nesta quarta-feira (08.10) pela Fundação de Apoio à Pesquisa Agropecuária de Mato Grosso (Fundação MT). De acordo com entidade, o pedido da patente estava há sete anos em análise pelo escritório norte-americano de marcas e patentes. 

A Tecnologia Inox da TMG é utilizada na região do cerrado brasileiro desde 2008, e no Sul do País desde 2011. “Caso o controle cultural e químico escapem das mãos, a planta Inox estará protegida pelo gene”, explica o gestor de pesquisa da Fundação MT, Fabiano Siqueri. A descoberta aguarda a concessão de patentes em mais países.

Batizadas de TMG 7161 RR e TMG 7162 RR, a Tecnologia Inox apresentam também genes resistentes ao cancro da haste, à pústula bacteriana e à mancha olho de rã. “Manejadas corretamente elas são também altamente produtivas e possibilitam a redução de custo de produção”, destaca Eberson Calvo, diretor da TMG.

Autoria: Leonardo Gottems / Agrolink

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade
A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2019.