Publicado em 13/01/2021 21h27

Empresas de alimentos de grãos fora dos EUA sofrem novamente

27 das 40 empresas monitoradas pelo Milling & Baking News registraram quedas

`

Empresas de fora dos Estados Unidos de alimentos à base de grãos tiveram desempenho decepcionante no preço das ações durante 2020, o segundo ano consecutivo em que mais da metade das empresas monitoradas pela Milling & Baking News, uma publicação irmã da World Grain, terminaram abaixo ano após ano. A pandemia do coronavírus (COVID-19) atingiu duramente os preços das ações de muitas empresas em meados de março e, embora várias empresas tenham conseguido enfrentar a crise, um número significativo não conseguiu. 

Um total de 27 das 40 empresas monitoradas pelo Milling & Baking News registraram quedas ano a ano no preço das ações durante 2020, enquanto apenas 13 registraram aumentos. Em comparação, 10 empresas registraram aumentos ano a ano em 2019, enquanto 19 empresas registraram aumentos ano a ano em 2018, 23 empresas registraram aumentos ano a ano em 2017 e 2016, 19 registraram aumentos em 2015, 25 as empresas registraram aumentos no preço das ações em 2014 e 32 empresas registraram ganhos ano a ano em 2013. 

Na Bolsa de Valores de Londres, a Associated British Foods terminou o ano em 2264p, queda de 13% em relação a 2598p em 2019 e em comparação com 2.043p em 2018. “A mercearia entregou outro ano de forte lucro e melhoria de margem”, disse Michael McLintock, presidente da ABF, no relatório anual da empresa. 

“Na segunda metade do ano, isso incluiu vendas no varejo mais altas, que mais do que compensou uma queda no serviço de alimentação como resultado do COVID-19. Uma melhora significativa nos lucros de nossos negócios de açúcar na Europa e na China mais do que compensou um resultado decepcionante para Illovo. A melhoria em ingredientes foi impulsionada por uma demanda substancialmente maior por fermento e ingredientes de panificação da AB Mauri”, conclui. 

Autoria: Leonardo Gottems | Agrolink

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade
A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2019.