Publicado em 30/09/2014 11h20

Agentes se preparam para levar serviços de assistência técnica em agroecologia a 800 famílias na Paraíba

Agricultores e agricultoras familaires de 16 municípios paraibanos receberão serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), voltados para a agroecologia e promoção do desenvolvimento local.

Agricultores e agricultoras familaires de 16 municípios paraibanos receberão serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), voltados para a agroecologia e promoção do desenvolvimento local. Eles serão orientados para uma atividade produtiva sustentável, com preservação dos recursos naturais, como água e solo, aliando crescimento econômico e conservação ambiental. Ao todo, 800 famílias serão beneficiadas com o atendimento de agentes de ater.

Os agentes de assistência técnica serão preparados por meio do curso, que começa nesta segunda-feira (29) e vai até 03 de outubro, realizado no município de Conde, na Paraíba.

Participam da formação agentes da Emater/PB, entidade que vai executar os serviços de Ater como resultado da Chamada Pública nº 12/2013, lançada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). A ação é uma das atividades previstas na Chamada e está dentro das diretrizes da Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica (Planapo), o Brasil Agroecológico.

Os municípios paraibanos beneficiados: São Mamede, Malta, Patos, Santa Terezinha, São José do Espinharas, São José do Bonfim, Quixaba, Mãe d’Água, Várzea, Santa Luzia, Junco do Seridó, São João do Sabugi, Areia de Baraúnas, Cacimba de Areia, Passagem e Salgadinho.

Autoria: Portal do Ministério do Desenvolvimento Agrário

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade

A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2014