Publicado em 03/11/2014 09h23

Carne branca, fonte de vitaminas e vida saudável

Estudos apontam que em uma década o frango será a carne mais ingerida no mundo

cbranca

Fonte de proteína, o frango é consumido em larga escala pelos brasileiros. E em dez anos, pode se tornar a carne mais ingerida no mundo, desbancando os suínos, segundo estimativa da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). Em 2013, o Paraná foi o maior exportador de frango no Brasil, com 1,14 milhões de toneladas, seguido por Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
 
O veterinário da INOVAVET especializado em Avicultura, Ari Almeida, comenta que o valor calórico da carne depende da forma como ela é preparada, mas que algumas opções podem ser mais saudáveis. “Claro, um alimento assado sempre será melhor do que um frito. Porém, o ideal é ingerir carnes brancas, frango ou peixe, mais vezes na semana e deixar a carne de gado ou porco para ingerir com menor frequência, pois são mais difíceis para digerir e possuem mais calorias”, comenta.
 
Segundo Ari, entre os cortes mais magros, se destaca o peito de frango, fonte de proteína é um dos alimentos prediletos de quem pratica atividades físicas, como a musculação. “A carne magra apresenta em torno de 75% de água, 21 a 22% de proteína, e apenas de 1 a 2% de gordura. O conteúdo energético é relativamente baixo, com média de 105 kcal a cada 100g de carne crua. Na carne de frango encontramos grande variedade de vitaminas, especialmente as do complexo B que são indispensáveis para o metabolismo celular”.
 
Entre os motivos para não deixar faltar frango nas refeições diárias, o veterinário da INOVAVET realça a rica presença de vitamina B3 importante para o processo metabólico, que transforma os alimentos ingeridos em energia, para que o corpo utilize corretamente os nutrientes. “A carência de B3 promove fraqueza muscular e lesões na pele, além de emagrecimento e fadiga, o frango também é rico em ferro e fósforo, que auxiliam no fortalecimento do organismo”.

Autoria: Agrolink

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade

A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2014