Publicado em 10/07/2024 16h09

Algodão registra alta no início deste mês

Movimento de alta ganhou força.
Por: Cepea-Esalq

O movimento de alta nos preços domésticos do algodão em pluma ganhou força no começo de julho. Segundo pesquisadores do Cepea, esse impulso é resultado da oferta ainda restrita no mercado spot nacional e do aumento na procura dos compradores, que estão dispostos a oferecer valores superiores para atrair vendedores.

Apesar da estimativa de produção recorde de algodão para a temporada 2023/24, os vendedores seguem firmes em suas ofertas, mantendo a disponibilidade restrita. Neste primeiro momento, muitos agentes estão optando por cumprir contratos a termo, o que contribui para a escassez de algodão no mercado spot.

No campo, a Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) informou que, até o dia 4 de julho, apenas 7,2% da área estimada de cultivo havia sido colhida. A combinação de oferta restrita e a demanda crescente tem mantido os preços elevados, refletindo a dinâmica atual do mercado de algodão no Brasil.