Publicidade
Publicado em 10/03/2022 07h55

MAPA anuncia inversão da vacinação contra febre aftosa

Primeira etapa de vacinação, no mês de maio, será destinada aos bovinos e bubalinos com até 24 meses e a segunda fase, em novembro, aos animais de todas as idades.
Por: Aline Merladete | Agrolink

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) anunciou a inversão das estratégias de vacinação contra a febre aftosa em 2022. De acordo com o Ofício Circular Nº 12/2022, a primeira etapa de vacinação, no mês de maio, será destinada aos bovinos e bubalinos com até 24 meses e a segunda fase, em novembro, aos animais de todas as idades.

A medida é válida para o Bloco IV, do Plano Estratégico do Programa Nacional de Vigilância para Febre Aftosa (PE-Pnefa), composto pelos estados da Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Sergipe, São Paulo e Tocantins.

O assessor técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Guilherme Dias, afirmou que o objetivo da medida anunciada é garantir a oferta oportuna de vacina, equacionando a demanda com o cronograma de produção da indústria.

Segundo o documento do Mapa, a movimentação de animais durante as etapas de vacinação continuará seguindo o regramento, ou seja, propriedade adimplente com a etapa de vacinação em curso poderá movimentar normalmente seus animais.

A medida também tem o apoio do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para a Saúde Animal (Sindan).