Publicado em 15/03/2019 17h58

Mais sementes significa menos ervas daninhas em cobertura

"Plantar centeio em altas taxas de plantio consistentemente melhorava a produção de biomassa"

Cientistas do Serviço de Pesquisa Agrícola (ARS) do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) afirmam que, em culturas de cobertura orgânica, mais sementes significa menos ervas daninhas. De acordo com, Ann Perry, do USDA, os agricultores que cultivam produtos orgânicos muitas vezes usam culturas de cobertura de inverno para adicionar matéria orgânica do solo, melhorar o ciclo de nutrientes e eliminar as ervas daninhas. 

“Em climas moderados, a supressão de ervas daninhas nas culturas de cobertura de inverno é importante porque as ervas daninhas que crescem ao longo do ano produzem sementes que podem aumentar os custos das ervas daninhas nas culturas vegetais subsequentes. O horticultor Eric Brennan , do ARS, está na Estação de Pesquisa Agrícola dos Estados Unidos em Salinas, Califórnia, realizaram estudos comparando protocolos inverno plantio de plantas de cobertura em sistemas orgânicos ao longo da costa central da Califórnia”, comenta ela. 

Nesse cenário, Brennan observou como as taxas e os padrões de plantio afetaram o rendimento da cultura de cobertura. Ele plantou centeio usando três taxas de plantio, 80 libras por acre, 160 libras por acre e 240 libras por acre. As sementes foram semeadas em um padrão de grade que exigiu a condução de uma broca de grãos através dos campos duas vezes, ou em linhas tradicionais, sendo que toda semeadura foi feita em outubro. 

“Brennan descobriu que plantar centeio em altas taxas de plantio consistentemente melhorava a produção de biomassa de centeio nos estágios iniciais e intermediários e a eliminação de ervas daninhas. Mas ele não viu uma melhoria constante no cultivo do plantio em grade. Brennan também estudou as taxas de semeadura e os padrões de plantio usando uma cultura de leguminosas e aveia”, conclui. 

Autoria: Leonardo Gottems | Agrolink

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade

A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2014